Poema


Cinto de segurança

Motorista consciente
é pessoa “pra frente”
usa cinto de segurança
e por todos faz ser usado,
em veículo sob sua confiança,
no banco detrás e do lado.

Sabe que o cinto previne
traumas em um acidente,
que tal cuidado define a
integridade da gente.

Pessoa que vai sem cinto,
mesmo no banco detrás,
é jogada pra frente,
se o carro frear de repente,
e lançada pra todo lado,
se o carro for capotado.

O cinto deve-se usar
não pra não ser multado,
mas pelo bem-estar
que é ocasionado.

JERÔNIMO, J.R. Vias e Versos - por um trânsito mais humano. Guarulhos, Ed. do Autor, 1a. edição, 2018, p 36.

Vide Artigos 65; 105, I; 136, VI; Resoluções 277; 278; 391; 533; 541; 562; e Anexo I do CTB - Código de Trânsito Brasileiro, Lei 9.503, de 23.09.1997.