Pergunta

- É permitido acionar o pisca-alerta com o veículo em movimento?

 

 

Resposta

- Sim!

 Art. 251. Utilizar as luzes do veículo:
        I - o pisca-alerta, exceto em imobilizações ou situações de emergência;
        II - baixa e alta de forma intermitente, exceto nas seguintes situações:
        a) a curtos intervalos, quando for conveniente advertir a outro condutor que se tem o propósito de ultrapassá-lo;
        b) em imobilizações ou situação de emergência, como advertência, utilizando pisca-alerta;
        c) quando a sinalização de regulamentação da via determinar o uso do pisca-alerta:
        Infração - média;
        Penalidade - multa.

Porquê

O pisca-alerta é mais utilizado nas imobilizações do veículo, mas, de forma alguma, pode ser somente nestas ocasiões. Como a própria lei estabelece - em imobilizações ou situações de emergência.

Assim, todas as vezes que o condutor deparar-se com qualquer situação de emergência, deve acionar o pisca-alerta, para que os demais condutores fiquem sabendo, de modo imediato, que há na via algum problema adiante, a fim de que tenham a oportunidade de prevenirem-se e não envolverem-se num possível acidente ou mesmo ocasionarem um.

Para esta finalidade, o pisca-alerta tem a capacidade de comunicar com muita eficiência, devendo, portanto, ser utilizado com certeza.

E, tão logo a situação tenha-se normalizada, deve ser desativado.

 Outras dicas e informações você pode encontrar no livro:

Clique para saber os locais de compra ou para adquirir pela internet.

Como Se Tornar Um Asno Volante Em 19 Lições Erradas.

(A abordagem acima está nas páginas 108 e 109 deste livro e refere-se à 14ª lição, Seta e Pisca-alerta.) 

Diversão e informação em prol de um trânsito melhor.

Outras Dicas de Direção.